Capitalismo gerenciador de dinheiro e desigualdade de renda e riqueza: o caso dos Estados Unidos na década de 1990

O presente artigo busca discutir como a liberalização financeira, que vem ocorrendo desde a década de 70 e que se acentuou na década de 90, afetou a distribuição de renda e riqueza nos Estados Unidos. Ava- liam-se, primeiro, as razões teóricas para um aumento da desigualdade decorrente da transformação de um “capitalismo pa- ternalista” para um “capitalismo gerenciador de dinheiro”.

 

Em seguida, discutimos o principal mecanismo que operou no auge do “capitalismo gerenciador de dinheiro” nos Estados Unidos (na década de 90). Tal mecanismo se caracteriza pelo estímulo da demanda efetiva via o efeito riqueza decorrente de bolhas nos mercados de títulos e ações, bem como pelo conjunto de políticas econômicas, com destaque especial para as políticas de garantia de liquidez, utilizadas para manter o funcionamento de tal mecanismo e seus efeitos para a demanda agregada.

Por fim, analisamos alguns trabalhos empíricos e dados que confirmam o aumento da desigualdade de renda e riqueza – medida em termos funcionais ou pessoais –, corroborando as teorias estudadas. Palavras-chave Capitalismo gerenciador de dinheiro; Desigualdade de renda; Desigualdade de riqueza.

Leia Online

Download

Clique aqui para fazer o download

 

Comentários estão desabilitados.

Navigate